7 de out de 2009

Sonhos

O cineasta Akira Kurosawa reflete sobre a vida e a morte, bem como sobre a simplicidade e o contato com a natureza através destes dois belos filmes. Se trata do encontro de um jovem vindo da cidade e um morador idoso de um povoado isolado. A lição que temos deste encontro é uma pérola de sabedoria. Vale a pena conferir!




Nenhum comentário:

Postar um comentário